Exames audiológicos básicos: Audiometria e Impedanciometria

A audiometria e imitanciometria são exames solicitados de rotina, com fins diagnósticos, ocupacionais e periciais. 

Todos devem realizar ao menos uma vez ao ano, pois a perda auditiva muitas vezes ocorre sem sinais evidentes, de forma gradual, e realizando os exames regularmente pode-se identificar e intervir precocemente, com possibilidade de melhores resultados nos tratamentos recomendados pelo otorrinolaringologista e fonoaudiólogo. São estes os profissionais de saúde habilitados a realizar os exames auditivos.

Audiometria

A audiometria busca definir qual a menor intensidade em que a pessoa é capaz de ouvir sons (apitos), em determinadas frequências. Não há acertos ou erros nas respostas da audiometria. Quanto menor a intensidade necessária para que a pessoa escute o apito, melhor é sua capacidade de detectar os sons. O resultado do teste não é mensurado em porcentagem. Por meio da audiometria é definido o grau de surdez, tipo e configuração de perda auditiva.

O exame de audiometria deve ser realizado em cabine acústica ou em sala silenciosa. São utilizados fones que encaminham os sons para o canal auditivo: teste por via área; e vibrador ósseo, que é posicionado atrás do pavilhão da orelha, direcionando o som por vibração ao osso do crânio.

Compondo a audiometria é realizada também Audiometria Vocal ou Logoaudiometria. Na Audiometria Vocal é investigada a capacidade da pessoa de perceber e reconhecer os sons da fala. Este exame é de grande importância pois fornece pistas de como está o processamento auditivo

A audiometria é um exame subjetivo, ou seja, seu resultado depende da cooperação da pessoa que está sendo avaliada e da habilidade do profissional que realiza o exame. Para realização do exame em crianças são realizadas adaptações e é importante a expertise do profissional para obtenção de respostas confiáveis.

Impedanciometria

A Impedânciometria é bastante solicitada pelos profissionais juntamente com a audiometria, pois fornece informações importantes para definição do diagnóstico e tratamento. Também chamado por Imitanciometria, o exame de Impendaciometria avalia todo o mecanismo de funcionamento da orelha média – região em que se localiza o tímpano, ossículos do ouvido, uma das saídas da tuba auditiva e o músculo estapédio.

Pela Impedanciometria se verifica a integridade do tímpano e dos ossículos do ouvido diante a aplicação de determinada pressão; avalia o funcionamento da tuba auditiva; e avalia os limiares dos reflexos do músculo estapédio (reflexo acústico). Pode-se identificar, por exemplo, a presença de secreção causada por otite média, maior rigidez dos ossículos do ouvido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: