Coceira no Ouvido

Possíveis causas e tratamento da coceira no ouvido

A coceira no ouvido é um problema bastante desconfortável e é uma queixa muito comum. É importante lembrar que coçar os ouvidos com o dedo ou objetos pode ser perigoso. As causas responsáveis pela coceira no ouvido podem ser diversas e o tratamento vai depender de cada uma delas.

  • Pele seca: Acontece quando o ouvido não produz cera suficiente, assim a pele do conduto auditivo pode ressecar provocando coceira e até mesmo descamação. O melhor tratamento para aliviar a coceira em orelhas secas é não remover a cera e proteger os ouvidos em ambientes frios e em ventanias.

  • Acúmulo de cera: O excesso de cera também pode causar coceiras na região. Não é recomendável usar objetos pontiagudos ou hastes de algodão para remover a cera. Isso pode ferir o ouvido e causar muitas complicações. Procure um médico Otorrinolaringologista para remove-la da melhor maneira possível.

  • Infecções: A otite externa, ou orelha de nadador, é uma infecção de ouvido que pode causar dor, coceira, febre, vermelhidão, inchaço e secreções. As otites externas ocorrem mais frequentemente no verão, quando as pessoas frequentam mais as piscinas e praias. São infecções de inicio rápido e que também respondem rápido aos tratamentos com medicações. O tratamento para esse problema auditivo deve ser recomendado pelo médico Otorrinolaringologista. Portanto, evite soluções caseiras e não dispense a consulta médica.

  • Dermatite do canal auditivo / Alergias: A dermatite é uma reação alérgica da pele que gera sintomas como vermelhidão, coceira e descamação, podendo ser causada pelo contato com alguma substância ou objeto que cause alergia. A coceira é um sintoma comum de alergias e quando acontece no ouvido pode ser um dos primeiros sinais de uma reação alérgica a um alimento, medicamento ou alergias sazonais. Medicamentos anti-histamínicos ou vacinas contra alergia costumam ser recomendados pelos médicos nessas situações.

  • Uso de aparelho auditivo: O uso de aparelho auditivo pode levar ao acúmulo de água que fica presa no ouvido, agredir ligeiramente a pele, causar pressão no canal auditivo ou mesmo provocar reações alérgicas. É preciso estar atento as recomendações do fonoaudiólogo na hora de usar o aparelho auditivo, e uma delas é sempre secar muito bem os ouvidos antes de coloca-los.

O uso de objetos ponte agudos que agridam o canal auditivo como cotonetes, grampos, entre outros, podem causar coceira e provocar danos graves no ouvido, até mesmo a perfuração do tímpano. Por isso, esses objetos devem ser evitados e substituídos por soluções adaptadas para limpar e secar os ouvidos como por exemplo o uso da pontinha da toalha.

A coceira no ouvido raramente é um problema auditivo grave.
O tratamento depende da causa que está na origem da coceira e consiste em aplicar produtos que hidratem o local e acalmem a irritação, ou no caso de infecção pode ser necessário tomar ou aplicar gotas com um antibiótico ou antifúngico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: